FuturoPorto Velho vive uma nova história, afirma prefeito Hildon Chaves

Em evento religioso, prefeito falou das dificuldades e dos avanços de sua administração

“Porto Velho vive hoje uma nova história que faz com que se vislumbre um futuro muito mais promissor para o município”. Essa projeção para o município foi feita pelo prefeito dr Hildon Chaves para cerca de 30 mil pessoas que lotaram o espaço do complexo turístico da Estrada de Ferro Madeira Mamoré, no encerramento da Caravana da Cidadania, evento evangélico realizado pela Associação Acreditar, com o apoio da prefeitura da capital.

Em seu breve discurso, o prefeito, que estava acompanhado da primeira-dama, Ieda Chaves, falou da situação de abandono que pegou o município e das dificuldades que tem encontrado para administrar a maior cidade do Estado e uma das maiores capitais do país. Dr Hildon lembrou que a dificuldade financeira o tem obrigado que adotar medidas austeras, a fim de evitar um desiquilíbrio financeiro maior para o município. Mas com todas essas dificuldades, ele tem conseguido “destravar” a máquina administrativa.

“São muitas as dificuldades, mas mesmos com esses empecilhos estamos conseguindo fazer muito em tão pouco tempo. Assumimos há pouco mais de cinco meses e já colocamos em execução um programa de pavimentação que, só neste primeiro momento, vamos fazer cerca de sessenta quilômetros de asfalto na cidade com recursos próprios. Ainda tem os cento e trinta e dois milhões de reais da emenda de bancada”, disse o prefeito.

A intenção, disse ele, e fazer pelo menos 300 quilômetros de asfalto até o final do mandado, em 2020. Ele também lembrou que é a primeira vez que um prefeito executa um grande programa de pavimentação fora do período eleitoral. “Convencionou-se como regra fazer asfalto só próximo de eleições e nós estamos fazendo com cinco meses de governo. E esse é também um serviço que não prometemos durante a campanha do ano passado”, frisou.

Ao se despedir da multidão que se aglomerou para assistir ao show do cantor evangélico Fernandinho, o prefeito disse que sentia um enorme prazer de estar ali presente e parabenizou os organizadores do evento pela iniciativa. “Este é um evento que celebra não só a religião, como também a cidadania. Aqui as pessoas falam de paz, falam de amor, falam de Deus e isso contribui também para que tenhamos uma cidade melhor, um país melhor”, expressou.

Fonte Comdecom