www.googletagmanager.com Prefeitura de Porto Velho Ir para conteúdo

NA FIESP
Seminário "Porto Velho: Oportunidades & Investimentos" é sucesso de público ao debater potencialidades da capital

17/Mai/2024 - 11:05

Evento na Fiesp reuniu empresários, investidores e reforçou oportunidades de negócios na capital


O seminário "Porto Velho: Oportunidades & Investimentos", realizado na manhã desta sexta-feira (17), na sede da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), na capital paulista, foi um sucesso de público ao debater sobre as potencialidades de Porto Velho.

O seminário, realizado pelo Jornal Valor Econômico, foi transmitido ao vivo, reunindo autoridades, empresários e investidores, demonstrando as oportunidades de negócios e as vantagens competitivas que a cidade oferece.

Evento aconteceu na sede da Fiesp, em São PauloA programação foi dividida em Rodada de Cases Empreendedores Locais, Rodada Sustentável, Rodada de Oportunidades e Rodada de Ações Públicas. Todo o evento foi conduzido pela jornalista e apresentadora Cassia Godoy.

A série de palestras foi iniciada com o presidente da Federação das Indústrias do Estado de Rondônia (Fiero), Marcelo Thomé, que abordou sobre a capacidade logística e a possibilidade de negócios que Porto Velho oferece, com destaque para o grande potencial de transações comerciais com os países andinos vizinhos.

A palestra de encerramento ficou a cargo do prefeito de Porto Velho, Hildon Chaves, que salientou a grande vitrine de negócios que a capital se tornou, com a modernização da legislação e investimentos que melhoraram a infraestrutura da cidade.

PALESTRAS

Evento foi sucesso de público em São PauloO diretor de Relações Institucionais e Programas Setoriais da Eletrobras, Bruno Eustáquio, falou sobre a contribuição da geração de energia do Rio Madeira, com a hidrelétrica de Santo Antônio gerando energia para 40 milhões de brasileiros.

Júlio Freitas, CFO da Jirau Energia, salientou que a usina é a quarta maior geradora de energia do país e exibiu um vídeo com um resumo dos dez anos de trabalho da empresa. São mais de 40 milhões de brasileiros recebendo a energia gerada em Jirau, no Rio Madeira.

O diretor institucional da Vinci Aeroportos, Thierry Besse, pontuou que desde 2021 a empresa está presente na região Amazônica, na concessão de sete aeroportos. Ele relatou ainda que o aeroporto de Porto Velho está passando por uma obra grandiosa de expansão, até outubro ficando pronta. "Porto Velho tem um diferencial claro: a visão pró negócios de seus gestores. Isso nos dá confiança para seguir com esse projeto".

Série de palestras foi iniciada com o presidente da Fiero, Marcelo ThoméO diretor de Novos Negócios do Grupo Simões, Maurício Kerbauy, destacou que a empresa está diversificando sua atuação, com o investimento em um terminal de grãos para escoar a produção agrícola. "Já atuamos em gás, em logística de combustível e outros setores. Porto Velho é uma de nossas casas desde a década de 1980".

O sócio proprietário da empresa Cairu, Eugênio Ribeiro, maior fabricante de bicicletas e de capacetes do país, também proferiu uma palestra. "Nascemos em Rondônia, crescemos em Rondônia, e hoje produzimos 1 milhão de capacetes ao ano e 650 mil bicicletas ao ano. Atuamos na distribuição de peças de bicicletas e de motocicletas, além dos combustíveis. Rondônia cresce sempre acima da média nacional e temos todo um cenário favorável para crescer ainda mais".

Também participou o empresário Mário Gazin, fundador da rede de lojas Gazin, com mais de 300 lojas. "Temos uma usina solar em construção, em Ji-Paraná, onde investimos R$ 5 milhões. Já fizemos uma em Vilhena. Temos 13 lojas em Porto Velho, onde faturamos mais de 600 milhões. Rondônia é um pequeno Paraná, ao meu ver, e tem muita coisa boa acontecendo lá. Temos um agro forte, com terras mais baratas e portos prontos para exportar e mais perto".

MAIS EMPRESAS

Evento contou com a presença de autoridades O co-presidente da Ancar Ivanhoe, Marcelo Carvalho, informou que desde 1972 que a empresa investe no setor de shoppings centers, sendo pioneiros em algumas capitais com esse tipo de empreendimento. "Porto Velho nos recebeu de braços abertos e foi um marco que aumentou a qualidade do varejo na capital. Um shopping é um equipamento da cidade e meu pai, Sérgio Carvalho, dizia que 'tudo o que for importante para a cidade, o shopping deve estar envolvido'. Estamos sempre inovando e ampliando a nossa capacidade de atender", enfatizou.

A diretora da SBS Empreendimentos, Phaena Spengler, disse que Porto Velho, há 28 anos quando a empresa chegou à cidade, oferecia muitas áreas e pouca verticalização. "A gente avançou, se desenvolveu junto com a cidade. São mais de 3 mil unidades de apartamentos entregues. Estamos com novos modelos de negócios e o nosso foco é atender as necessidades das pessoas, criando valores e promovendo a sustentabilidade".

O diretor presidente do Grupo Bemol, Denis Minev, explanou que atua com empresa de gás e loja de varejo. "Gostaria de argumentar que Porto Velho é o Estado mais promissor da nação. Em 1960, Rondônia tinha 100 mil habitantes. Hoje, nos aproximamos de 2 milhões de pessoas. Entre as décadas de 1970 e 1980, o Governo levou famílias, principalmente do Sul do país, para desbravar o Estado. Não conheço no Brasil, cidades com pouco tempo de existência, com tantos empreendedores como em Rondônia. Ao longo da BR-364, as cidades têm grande potencial de crescimento e é isso que estamos vendo". Ele pontuou ainda que "temos o menor índice de pobreza, melhores índices educacionais, muitos alunos do ensino superior, principalmente nas faculdades privadas, e uma saúde privada das mais avançadas na região Norte. Rondônia é o Estado mais promissor do país".

TURISMO

Seminário foi transmitido ao vivo e pode ser assistido on-lineEm seguida, foi exibido um vídeo com o material “O Melhor de PVH - Terra de Bravos Pioneiros”, desenvolvido pela Secretaria Municipal de Indústria, Comércio, Turismo e Trabalho (Semdestur), mostrando as belezas naturais e as potencialidades turísticas, exaltando a exuberância da natureza amazônica, a história, a cultura e as tradições de um povo que se orgulha de suas raízes e de sua formação tão diversa. Um destaque especial foi a gastronomia rica de Porto Velho.

MAIS DEBATES

A gerente geral do Banco da Amazônia (Basa), Joana Emília, afirmou que "em cinco anos, aplicamos mais de R$ 3 bilhões no financiamento de micro e pequenas empresas, em diversos segmentos. Rondônia possui 15 agências do Basa e vai ganhar mais duas no próximo ano".

Foram cerca de 3 horas de palestras sobre o potencial de Porto VelhoO CEO do Grupo Rede Amazônica, Phelippe Daou Jr, ressaltou que "o que a gente sempre discute e o grande desafio nosso, creio, é resolver o desconhecimento. Temos duas hidrelétricas no mesmo município e isso não é comum, mas pouco conhecido e valorizado. Temos um desafio da comunicação e desde a década de 1970 que estamos atuando em Porto Velho".

O presidente da Agência de Desenvolvimento de Porto Velho (ADPVH), Leandro Dill, apresentou a palestra "Uma Porto Velho de Oportunidades", trazendo informações acerca das potencialidades de negócios. "Temos uma posição geográfica privilegiada, uma crescente no hub de logística, com destaque para os portos que integram o Arco Norte, energia elétrica abundante e uma capacidade produtiva que está em expansão e se somam a uma série de ações públicas e privadas", destacou.

A primeira-dama e deputada estadual Ieda Chaves também participou do evento e em sua fala reforçou as potencialidades da capital.

Todo o seminário "Porto Velho: Oportunidades & Investimentos" foi transmitido ao vivo pela internet, e pode ser assistido aqui.

Texto: SMC
Foto: Felipe Ribeiro

Superintendência Municipal de Comunicação (SMC)

Compartilhe nas redes:
Twitter Whatsapp

Seminário "Porto Velho: Oportunidades & Investimentos" é sucesso de público ao debater potencialidades da capital

17/Mai/2024 - 09:44


Utilizamos cookies em acordo com a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
2024 © Prefeitura de Porto Velho - RO - SMTI