imagem do corona vírus
Se apresentar sintomas leves de gripe como: tosse, coriza, dor de cabeça, ligue: 0800 647 5225

Cursos ofertados pela prefeitura qualifica cerca de 7 mil trabalhadores em Porto Velho

06/Dez/2012 - 09:44

   bCerca de 7 mil pessoas já foram capacitadas nos cursos de qualificação profissional ofertados pela Prefeitura à população de Porto Velho. Nesta sexta-feira, 07 e na segunda-feira, 10, a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Semdestur) encerra mais dois cursos realizado por meio do Plano Territorial de Qualificação (PlanTeQ), numa parceria com o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE).
  

   Na sexta-feira, encerra o curso para os alunos que estudavam no Salão Paroquial da igreja São Luiz Gonzaga. Na segunda-feira, pela manhã, encerra os cursos realizados no presídio onde funcionavam duas turmas, um de pintor de obras, para os presidiários e outra de na área de artesanato (tapeçaria em barbante) para as detentas. À tarde, encerra o curso ministrado para portadores de necessidades especiais na Sociedade Pestalozzi de Porto Velho. Ao todo pelo PlanTeQ estão sendo qualificados 200 alunos.
  

c  Dia 12, quarta-feira, às 19h, no Teatro Banzeiros, acontece a formação da segunda turma do curso de corte e costura. São 58 concluintes que receberão o certificado. A partir do dia 17, iniciam os cursos de qualificação profissional nos distritos de Nova Califórnia, Extrema, Vista Alegre do Abunã, Abunã, Jacy-Paraná e União Bandeirante. Para os distritos estão sendo ofertadas 800 vagas.
  

  “Nós também já conseguimos fechar o pacote com os cursos para o próximo ano. Em 2013, a prefeitura ofertará cerca de 10 mil vagas Para o próximo ano estamos deixando em torno de dez mil vagas. Matrículas iniciam este ano, mas as aulas começarão só a partir de fevereiro. Para esses cursos firmamos parceria com o Senai, Senac, Senar, Sest/Senat. São pacotes específico de cursos para área de transporte, indústria e serviços”, explicou o secretário Agnaldo Nepomuceno, da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo.
 

  Sob a coordenação da Semdestur, os cursos têm por objetivo garantir a recolocação e o aprimoramento dos trabalhadores, levando em conta a demanda local. São cursos em áreas como construção civil, indústria, informática, turismo, transporte, a copiarcomércio, piscicultura e serviços, armador de ferragens, auxiliar administrativo, auxiliar de laboratório, cabeleireiro, camareira de hotel, corte e costura, eletricista de baixa tensão, garçom e chapeiro, gerente com especialização em hotelaria, informática básica, limpeza de pele, mecânica de motocicleta, montador de móveis com acabamento, produtos derivados do leite, piscicultura, beneficiamento e conservação do pescado e recepcionista e secretária com informática.
  

  "A demanda por mais empregos aumentou muito nos últimos anos em função da construção das usinas hidrelétricas de Jirau e Santo Antônio, no rio Madeira. Junto com as usinas, outros empreendimentos também surgiram na cidade, principalmente na construção civil, e junto com eles a necessidade de qualificação de mão de obra também. Pensando nisso o prefeito Roberto Sobrinho lançou esse projeto para dar essa oportunidade à população da capital. E essa política pública de qualificação de Porto Velho, beneficia os cidadãos que se encontram em situações de menor oportunidade de emprego", afirmou o secretário.


Por Joel Elias

Fotos: Frank Néry


logotipo da prefeitura de porto velho logotipo da prefeitura de porto velho